5 perguntas que empresários de sucesso fazem antes de pedir dinheiro emprestado

Você tem uma ideia de negócio e precisa de um empréstimo para colocá-la em prática? Antes de pedir dinheiro ao banco ou instituição financeira, é importante fazer alguns questionamentos para não adquirir dívidas complicadas.

No VMF dessa semana, a jornalista Nathalia Arcuri, do canal do YouTube Me Poupe!, cita as cinco perguntas que os empresários de sucesso fazem antes de pedir dinheiro emprestado:

1- O que exatamente eu vou fazer com o dinheiro que pretendo pegar emprestado?

Saiba exatamente qual é o destino que terá o capital do seu empréstimo. Para isso, é fundamental ter um plano de negócios. Esse documento descreve os objetivos do seu projeto e todos os passos para alcançá-los. Com um plano de negócios, é mais fácil entender a trajetória da sua idéia e detectar possíveis falhas.

2- A minha empresa é financeiramente saudável?

Para obter juros baixos, sua situação deve ser financeiramente saudável. Caso o banco avalie que você pode não ter condições de honrar a dívida, ele aumenta os juros.

3- Quais mudanças na minha estrutura serão necessárias para usar esse dinheiro da melhor forma possível?

Saiba exatamente quanto dinheiro você vai precisar e como ele será utilizado para que o objetivo do empréstimo seja alcançado.

4- Qual instituição financeira fez a melhor proposta em relação a prazos e taxas de juros?

Pesquise, avalie, e encontre a proposta que é mais vantajosa para você e para o seu negócio.

5- A minha empresa tem condições de honrar essa dívida todos os meses?

Tenha certeza de que você e seu negócio poderão pagar mensalmente as parcelas do empréstimo, para não ter que adquirir novas dívidas.

Assista ao vídeo e tenha a certeza de que está preparado para pegar o empréstimo necessário para desenvolver sua ideia.

Escrito por Larissa Moutinho, jornalista MTB 6805, assessora responsável pela comunicação da PHI Investimentos. Foi editora da Revista ADVFN e jornalista da InvestMais. Pós-graduada em marketing e pós-graduanda em finanças.